113 ANOS DE NASCIMENTO DO DR. BACH

Este ano se completam 113 anos de nascimento do Dr. Edward Bach, o mestre das flores, que nos brindou com seu gentil sistema de rearmonização coroando toda uma vida de dedicação ao próximo. Edward Bach nasceu em Moseley, um pequeno vilarejo inglês, no dia 24 de setembro de 1886.

Desde a infância mostrava sensibilidade e amor pela natureza, nas industrias da família percebeu o sofrimento dos trabalhadores quando adoeciam, já que naquele tempo isto significava falta de assistência e privações, não haviam leis trabalhistas que os protegessem, era o início da era industrial. Este fato o levou a decidir-se pela carreira médica.

Em 1912 formou-se médico tinha então o objetivo de minimizar o sofrimento de seus semelhantes eliminando as doenças, nesta busca especializou-se como bacteriologista e patologista em 1913, e em 1914 se diplomou em Saúde Pública, neste mesmo ano eclodia a primeira grande guerra e teve sob sua responsabilidade 400 leitos na University College Hospital.

Desde o início de sua atividade como médico percebeu que haviam fatores pessoais em seus pacientes que influenciavam decisivamente no processo de cura das doenças, os estados emocionais determinavam de alguma maneira maior ou menor sucesso nos tratamentos.

Neste período sua carga de trabalho era muito intensa o que culminou em uma severa hemorragia interna e o diagnóstico de um desfecho fatal em três meses.

Depois de resignar-se ao destino algumas semanas, saiu da cama e pôs-se a trabalhar na pesquisa de vacinas, que haviam sido interrompidas pela doença, sua dedicação ao trabalho e principalmente os motivos humanitários que o moviam, fizeram com que a doença desaparecesse por completo e surgisse nele uma nova consciência da vida, da saúde, da doença e do ser humano.

Bach encontrou então na Homeopatia consonância com o que estava pensando e sentindo vindo a tornar-se médico homeopata assumindo o cargo de bacteriologista do Hospital Homeopático de Londres.

Em sua nova empreitada em busca da compreensão dos mecanismos que levam o ser humano a adoecer, desenvolveu os famosos nosódios de Bach, em uso até nossos dias, mas em suas pesquisas para descobrir novos remédios homeopáticos, suas visitas ao campo foram aumentando sua sensibilidade com o reino vegetal, e sua compreensão dos desequilíbrios humanos, isto acabou propiciando o desenvolvimento de seu inspirado sistema de cura através das flores, que despertam em nós as vibrações de nossas melhores virtudes e nos permite viver com segurança e amor, nos permite ouvir com clareza as orientações de nosso Eu Superior, tendo sempre luz em nossas vidas e sendo uma luz na vida daqueles com quem convivemos.

No dia 1º de novembro de 1936, escreve uma breve carta a seus fiéis colaboradores, Nora Weeks, Victor Bullen e Mary Tabor onde pede a eles que continuem a "Maravilhosa Obra", que começaram segundo suas palavras "Uma obra que pode eliminar os poderes da doença, a Obra que pode libertar os homens " .

No dia 27 de novembro de 1936 encerra sua missão nesta encarnação, dormindo suavemente, como tocou o coração de seus semelhantes.

Parabéns ! Edward Bach

Parabéns aos formandos, da turma de 1999 do Curso de Formação em Terapia Floral do Instituto Avalon.

Serg Rios Alves


Instituto Avalon
Av. Liberdade 702 - São Paulo - SP - Brasil - CEP:01502-001
Fone/Fax: 11 3341-6010
mail: institutoavalon@institutoavalon.com.br