Curso

Formação de Instrutores de Shantala

 

 

Dia 09/12/2018 Domingo das 10 às 18h

 

 

A técnica da shantala foi descoberta por um médico francês chamado Frederick Leboyer em meados dos anos 70. Em um dos passeios que realizou na cidade de Calcutá, na Índia, onde ele notou que uma mulher aplicava um tipo de massagem diferenciada em seu filho e ficou impressionado com as harmonias e as trocas de energia entre os dois.


Leboyer teria descoberto que a técnica é muito utilizada e passada de mãe para filha há mais de cinco mil anosna Índia. Foi então que retornando ao seu país de origem começou a escrever livros sobre a prática, batizando a mesma com o nome da mãe que conheceu, que se chama Shantala.


O vínculo criado entre o massageado (bebê) e quem o faz (pai, mãe, avós, padrinhos, cuidadores) é de extrema importância para o bebê. Por isso, quem vai aprender a técnica deve agir com grande responsabilidade e muito amor.


Logo após a aplicação da massagem, a maioria dos bebês começam a eliminar os gases, chegando até a evacuar, gerando um grande relaxamento para eles. Por isso, ela ajuda no relaxamento com as cólicas.


A shantala também favorece a respiração, estimula os sistemas cardiovascular e gastrointestinal, reduz o estresse, auxilia no desenvolvimento motor, no crescimento físico, favorece o ganho de peso e ajuda com o sono do bebê.


Os movimentos também trazem ao bebê lembranças das sensações intrauterinas, onde o feto era envolvido e massageado pelo líquido amniótico, sendo assim, ele se sente mais acolhido e confortado. Além de tudo isso, cria-se um vínculo, ainda maior, entre quem aplica a massagem e o bebê, deixando desta forma o bebê mais seguro.



✓ A massagem é indicada para bebês a partir de 1 mês de vida. A partir desse período, muitas vezes já descamou a pele e o umbigo já está cicatrizado. A massagem, apesar de ser com um toque carinhoso, tem também um toque profundo e forte, fazendo alongamentos e trabalhando a musculatura e articulações.
✓ Durante a aplicação, o óleo a ser passado no corpinho do bebê deve ser vegetal (extraído das plantas) e não mineral (vindo do petróleo). O óleo vegetal vai trazer um relaxamento maior no bebê. (Os mais indicados são de: amêndoa-doce, coco, girassol e uva).
✓ Não é aconselhável fazer a massagem quando o bebê estiver com febre, resfriado, diarréia, alguma inflamação na pele, ou sono excessivo.

Objetivo: Formar instrutores para que os mesmos possam formar turmas de mamães com bebês de até 9 meses e fazer com que as mães e pais tenham mais proximidade com seus bebês, além da importância de contato físico com o bebê.

Pré-requisito: Não há

Solicitado ao aluno: 1 boneca para a prática

Profa.: Marli Toledo - Homeopata, Massoterapeuta, Instrutora de Shantala, Terapeuta Floral e Terapeuta de Barra de Access

Inclui: Apostila e Certificado Quality Educação

Investimento: R$ 30,00 Matrícula

                     R$ 699,00 à vista ou 2 parcelas de R$ 367,50

 

Dia 09/12/2018 Domingo das 10 às 18h

 

 

Participe!